Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

22 Maio de 2020 | 21h59 - Actualizado em 22 Maio de 2020 | 21h58

São Tomé e Príncipe com 13 novos testes positivos aumenta para 282 casos

São Tomé - O número de infecções pelo novo coronavírus em São Tomé e Príncipe subiu hoje para 282, com o registo de 13 novos casos positivos, com base nos testes rápidos realizados nas últimas 24 horas, indicou o ministério da Saúde.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Bandeira de São Tomé e Príncipe

Foto: Divulgação

De acordo com a porta-voz do ministério, Isabel dos Santos, nas últimas 24 horas os serviços hospitalares realizaram 26 testes rápidos para a Covid-19 e metade deu positivo.

A mesma fonte explicou que duplicou o número de internamentos no centro de isolamento por Covid-19, passando de sete para 14 pacientes.

Outras sete pessoas encontram-se igualmente internadas no serviço sintomático respiratório.

Segundo a porta-voz do ministério da Saúde de São Tomé e Príncipe, das 282 pessoas com infecção pelo novo coronavírus, 253 encontram-se em isolamento domiciliar e outras 41 estão em quarentena na Região Autónoma do Príncipe.

Em África, há 3.105 mortos confirmados, em mais de 100 mil infectados em 54 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia no continente.

Entre os países africanos que têm o português como língua oficial, a Guiné-Bissau lidera em número de infecções (1.114 casos e seis mortos), seguindo-se a Guiné Equatorial (719 casos e sete mortos), Cabo Verde (362 casos e três mortes), São Tomé e Príncipe (282 casos e 11 mortos), Moçambique (164 casos) e Angola (60 infectados e três mortos).

O país lusófono mais afectado pela pandemia é o Brasil, com mais de 20 mil mortes e mais de 310.500 infecções.

Leia também