Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ambiente

15 Maio de 2018 | 15h52 - Actualizado em 16 Maio de 2018 | 15h08

Ministério aposta na recuperação das infra-estruturas dos parques naturais

Luanda - A recuperação e construção de infra-estruturas de apoio nos parques nacionais de Angola constitui uma das apostas do Ministério do Ambiente, com vista à melhoria das condições de trabalho e promoção do ecoturismo nestes locais.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Participantes ao Workshop sobre o Projecto Nacional da Biodiversidade

Foto: Alberto Juliao

Paula Franciscoo, Ministra do Ambiente

Foto: Alberto Juliao

A intenção foi dada pela ministra do Ambiente, Paula Francisco, no acto que marcou a conclusão da  infra-estruturação  do projecto "Conservação do Parque Nacional de Iona - Namibe", financiado pelo governo angolano, Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), União Europeia (UE) e Fundo de Gestão Ambiental (GEF), num  total de  sete milhões 102 mil e 566 dólares norte-americanos.

 A iniciativa, que será replicada em outras áreas de conservação, foi concebida como primeira fase do Programa Nacional do Ambiente, que visa reabilitar, fortalecer e expandir  o sistema de áreas de conservação em Angola.

Constituem prioridades para este sector, a recuperação da rede existente de áreas de conservação, a criação de novas áreas no quadro da efectivação da conservação da biodiversidade.

Algumas infra-estuturas administrativas dos parques nacionais da Quissama (Luanda), Cangandala (Malange),  Bicuar (Huila), Maiombe (Cabinda), Lengue-Luiana e Mavinga (Cuando Cubando) foram recentemente recuperadas e construídas. 

Enaltecendo o apoio prestado pelo PNUD,  UE e GEF e FAO, Paula Francisco referiu que a iniciativa permitiu empregar 20 membros das comunidades dentro e nos arredores do Parque Nacional do Iona, incluído ex-militares, a construção e reabilitação de infra-estruturas  administrativas e para o apoio  de  fiscais.

Com a iniciativa foi também possível a aquisição de sete viaturas, entre as quais seis a todo terreno (4X4),  seis motorizadas (duas e quatro rodas) e equipamento para os 20 fiscais.

No período 2013 a 2018,  tempo que decorreu o projecto, foram construídos quatro infra-estruturas  básicas de apoio ao ecoturismo comunitário e a capacitação dos membros das comunidades em materiais de  ecoturismo.

O projecto permitiu, de igual modo, a elaboração do Plano Integrado do Parque do Nacional do Iona, o Plano Estratégico das Áreas de Conservação de Angola (PESACA), além da troca de experiência  com especialistas da Namíbia, Quénia e outros  países, que conta  com  receitas  provenientes do ecoturismo.

"Agradecemos a União Europeia, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e o Fundo Global do Ambiente pela  efectivação de mais um projecto", reconheceu a ministra, augurando o  contínuo apoio ao governo angolano para a implementação de programas e projectos do sector do ambiente, com vista a serem alcançadas as metas do milénio e a concretização da  Agenda 2063 da União Africana.

Presente no acto, a ministra do Turismo, Ângela Bragança, considerou importante a iniciativa, tendo em conta os novos passos  que se pretendem em  relação à promoção do turismo em Angola.

Leia também
  • 03/02/2019 16:33:37

    Tempo em Angola

    Luanda - O Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INAMET) prevê, até às 18h00 de segunda-feira (dia 04), para a região Norte do país, a ocorrência de chuva moderada a forte, acompanhada por vezes de trovoada em alguns municípios das províncias do Zaire, Cabinda, Bengo, Uíge, Malanje, Lunda Sul e Lunda Norte durante a manhâ e ao entardecer.

  • 02/02/2019 19:21:32

    Previsão do tempo

    Luanda - O Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INAMET) prevê, até às 18h00 de domingoo (dia 03), para a região norte do país, a ocorrência de chuva fraca a moderada, acompanhada, por vezes, de trovoada em alguns municípios das províncias de Cabinda, Malanje, Lunda Norte e Lunda Sul durante a noite e ao longo da tarde.

  • 01/02/2019 15:33:06

    Fixada quota para importação de hidroclorofluocarbonos

    Luanda - Cento e setenta toneladas de hidroclorofluocarbonos (HCFCs) é quantidade que 42 empresas em Angola estão autorizadas a importar este ano.

  • 01/02/2019 14:04:23

    Elaboração de relatório sobre biodiversidade previsto para Março

    Luanda - A elaboração do sexto Relatório Nacional para a Convenção da Biodiversidade (6RNB) está prevista para Março de 2019, devido a transferência tardia dos fundos, no valor de 207.551 dólares.