Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

25 Maio de 2019 | 04h48 - Actualizado em 25 Maio de 2019 | 04h48

Basquetebol: 1º de Agosto atinge 12ª final africana

Luanda - Líder do ranking africano de clubes com oito títulos, o 1º de Agosto confirmou, na noite desta sexta-feira, presença na sua 12ª final da prova continental, após derrotar o Smouha do Egipto por convincentes dez pontos de diferença (86-76), no pavilhão Multiusos do kilamba, em Luanda.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1º de Agosto na final da Liga Africana de Clubes em basquetebol pela 12ª vez

Foto: Henri Celso

O extremo-poste Andre Harris, com 24 pontos, o poste Eduardo Mingas (23) e o base Emanuel Quezada ( 20) foram os principais “artífices” do representante angolano, que domingo tenta recuperar o troféu diante do AS Salé do Marrocos (detentor da taça), seis anos depois da última conquista em 2013, em Sousse, na Tunísia, sob orientação de Paulo Macedo.

O base Armando Costa, actual capitão, e o poste Felizardo Ambrósio são os únicos sobreviventes da última consagração.

O D’Agosto esteve na primeira final africana em 1987 no Egipto, a qual perdeu para o Al Ittihad de Alexandria por escassos três pontos de diferença (83-86). Na altura, a equipa era orientada por Victorino Cunha e integrava, entre outros, Jean Jacques da Conceição, David Dias, Paulo Macedo e Manuel Sousa Necas.

As conquistas começaram em 2002, aquando da primeira realização do torneio em Luanda, sob comando de Mário Palma, que viria a se tornar o técnico mais ganhador com quatro taças, depois de vencer em 2004, 2007 e 2008.

O clube arrebatou ainda o troféu nas edições de 2009, 2010, 2012 e 2013, tendo pelo meio perdido as finais de 2006 e 2011, respectivamente, para o Petro de Luanda e Etoile du Sahel da Tunísia.

Além do 1º de Agosto, o país é representado no quadro africano dos campeões, entre 18 clubes vencedores, pelo Petro (2 títulos) e o Recreativo do Libolo (1). O AS Force Armées do Senegal tem três títulos, o Asec Mimosas de Abidjan, Al Gezira do Egipto e Hit Trésor da República Centro Africana têm dois cada e depois vem uma série de países com um troféu cada, num total de 31 edições.

Assuntos Basquetebol  

Leia também
  • 25/05/2019 04:29:31

    AfroLiga: Estilo Kudoro anima meias-finais no Multiuso

    Luanda - Os músicos do estilo Kudoro, Scro Que Cuia, Fábio Dance e Jéssica Pitbull foram as grandes atracões desta sexta-feira, na disputa das meias-finais, em que o 1º de Agosto se apurou para a final da AfroLiga em basquetebol sénior masculino, ao derrotar o Smouha do Egipto, por 86-76.

  • 25/05/2019 03:42:57

    D'Agosto e Salé "batem-se" pelo troféu da AfroLiga

    Luanda - As formações do 1º de Agosto, representante de Angola, e da Association Sportive de Salé, do Marrocos, disputam domingo, no pavilhão Multiusos do Kilamba, em Luanda, a final da primeira edição da AfroLiga em basquetebol.

  • 25/05/2019 03:42:26

    Afroliga: Andre Harris valoriza empenho do colectivo

    Luanda - O poste norte-americano, Andre Harris, afirmou sexta-feira, em Luanda, que a vitória diante do Smouha do Egipto, por 86-76, foi muito sofrida, traduzindo o empenho do colectivo para o apuramento à final da Liga Africana dos Clues Campeões em Basquetebol sénior masculino (AfroLiga), marcada para domingo.