Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

11 Outubro de 2018 | 16h00 - Actualizado em 11 Outubro de 2018 | 16h56

Reunião bianual do Cisna acontece sexta-feira

Luanda - Representantes de 15 países da SADC participam, sexta-feira, em Luanda, na 41ª Reunião Bianual de Seguros, Valores Mobiliários e Autoridades Reguladoras Não-Bancárias da Sadc - Cisna, cujos trabalhos a nível dos peritos já decorrem desde o dia 10 do mês em curso.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Bandeiras da SADC

Foto: José Falso

Além de  Angola,  país  anfitrião,  estão presentes  representantes da Namíbia,  Botswana,  África do Sul,  Malawi,  República  Democrática do Congo,  Moçambique,  Suazilândia,  Lesotho,  Madagáscar,  Ilhas Maurícias,  Seychelles, Tanzânia,  Zâmbia  e  Zimbabwe.

Responsáveis da Comissão  de Mercado de Capitais (CMC) e  Agência  Angolana de  Regulação  e Supervisão  de Seguros (Arseg),  representam  Angola neste  evento.

No  encontro, estarão em análise as tarefas do secretariado permanente da organização,  o papel das autoridades reguladoras, além da revisão dos  diplomas legais aprovados na reunião bianual que teve lugar nas Ilhas Seychelles.

Assuntos relacionados com  o  grau  de  execução das tarefas dos comités e subcomités de trabalho, no âmbito do Plano Estratégico 2016/2020, são  outros  documentos  a  serem revistos neste encontro.

Criado em 1998, o Cisna tem como membros as autoridades do sistema financeiro não bancário, nomeadamente os reguladores e supervisores do mercado de valores mobiliários, autoridades do sector de seguros e fundos de pensões.

Facilitar o desenvolvimento e a implementação de um quadro regulamentar harmonizado para os estados membros da Sadc que permita o crescimento e desenvolvimento dos respectivos mercados financeiros, reduzir a o potencial de risco sistémico, mobilização de fluxos de capital e contributo  para a prosperidade da região,

Assuntos Economia  

Leia também
  • 11/10/2018 13:22:35

    Pagamento da taxa nunca chegou aos 50%

    Luanda - A Administração Geral Tributária (AGT) sempre teve dificuldades em atingir os valores previstos com a taxa de circulação e nunca obteve 50 porcento das receitas planeadas com esse tributo, revelou hoje o técnico Edison Martins.

  • 11/10/2018 12:12:08

    AGT alcança apenas 40% da taxa de circulação prevista

    Luanda - A Administração Geral Tributária (AGT), em parceria com a Direcção Nacional de Viação e Trânsito (DNTV), inicia, a partir de Novembro, a cobrança de forma coerciva da taxa de circulação 2017, devido ao elevado índice de incumprimento do seu pagamento calculado em 60 porcento, soube a Angop.

  • 11/10/2018 11:17:40

    Brent abre em baixa em Londres

    Londres - O barril de petróleo Brent para entrega em Dezembro abriu nesta quinta-feira em baixa no mercado de futuros de Londres, cotado a USD 82.55, variação de 0,44% em relação ao fecho da sessão anterior.