Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

26 Junho de 2019 | 16h43 - Actualizado em 26 Junho de 2019 | 16h44

Agência de recursos minerais entra em acção em 2020

Luanda - Uma comissão dos Ministérios dos Recursos Minerais e Petróleos e das Finanças está a trabalhar na criação de condições para entrada em funcionamento em 2020 da Agência Nacional dos Recursos Minerais Sólidos, anunciou hoje, em Luanda, o secretário de Estado para Geologia e Minas, Jânio Corrêa Victor.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Jânio Corrêa Victor, Secretário de Estado para Geologia e Minas

Foto: Alberto Juliao

Jânio Corrêa Victor referiu que a Agência Nacional dos Recursos Minerais Sólidos, à semelhança do que aconteceu no sub-sector dos petróleos, vai desempenhar o papel de concessionária, actualmente função sob responsabilidade de empresas públicas.

Com a criação desta agência, as empresas públicas que actualmente desempenham esta actividade vão se dedicar exclusivamente à promoção da cadeia de valor (a prospecção, produção e comercialização de recursos minerais).

O responsável, que falava à imprensa, na primeira edição fórum anual de líderes mineiros angolanos “Fórum Angola Mining” informou que em breve haverá a privatização de algumas empresas públicas do sector mineiro, para reduzir o peso do Estado nesta actividade.

Pretende-se com essa medida desenvolver a actividade no país, atracção de mais investimentos nesta área, cujo investimento é muito elevado e de risco, daí a necessidade da criação de condições de um ambiente seguro ser imprescindível.

Informou que a Endiama, ainda na qualidade de concessionária do sector diamantífera, está a trabalhar no seu redimensionamento, através do saneamento interno das empresas não rentáveis para melhorar o desempenho do subsector dos diamantes.

Em relação aos desafios no sector, afirmou que a pretensão é tornar a indústria mineira nacional como uma fonte alternativa para a arrecadação de receitas para o Estado e que esteja alinhada ao potencial mineiro do país, um processo que passa igualmente pela boa liderança nesta área.

Lembrou igualmente que Angola realizará em Novembro próximo a conferência internacional de minas, para debater a estratégia futura do sector.

Afirmou que a industrialização do sector mineiro passará pelo fomento da cadeia de valor, da prospecção até à comercialização.

Em relação ao fórum sobre liderança no sector mineiro, organizado pela “Bumbar Mining” e a Ordem dos Engenheiros de Angola, considerou oportuno e importante a realização deste evento.


 

Leia também
  • 25/06/2019 17:35:42

    Bumbar Mining realiza 1º fórum de liderança mineira

    Luanda - O primeiro fórum empresarial de liderança mineira “Angola Mining Talks” acontece nesta quarta-feira, em Luanda, com o objectivo de avaliar o contexto da indústria mineira local e inferir sobre os desafios enfrentados pelos gestores para manter empresas viáveis e sustentáveis em Angola.

  • 15/04/2019 18:52:14

    Projecto de ouro prevê facturar USD 64 milhões/ano

    Luanda - Sessenta e quatro milhões e 376 mil de dólares será o valor da facturação anual, resultante da venda de 53 mil e 647 onças, que começam a ser produzidas no primeiro semestre do ano em curso no projecto de exploração de ouro de Chipindo, na província da Huíla.

  • 27/09/2018 20:19:52

    Angola aposta na busca de investimento para rochas ornamentais

    Luanda - Angola vai continuar a apostar na busca de investimento privado nacional e estrangeiro, para fazer das províncias da Huíla e Namibe um centro de excelência na exploração e transformação de rochas ornamentais, afirmou hoje, em Verona (Itália), o secretário de Estado para Geologia e Minas, Jânio Victor.