Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

21 Setembro de 2019 | 18h46 - Actualizado em 21 Setembro de 2019 | 18h47

Governo quer sindicato da educação mais actuante

Cuito - O director do Gabinete provincial da Educação, no Bié, António Manuel, apelou hoje (sábado) no Cuito, a necessidade do Sindicato dos Trabalhadores da Educação, Cultura, Desportos e Comunicação Social (SPECDSB), tornar-se mais actuante e dinâmico, para defender os interesses da classe.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à Angop, após a abertura da II conferência de balanço e renovação de mandato daquele órgão, o responsável disse que o Governo necessita de um sindicato mais activo, que trabalhe juntamente ao Governo para a melhoria das condições laborais dos profissionais.

O presidente cessante da organização, no Bié, Fernando Geraldo Papiene destacou o empenho positivo do Governo, que mesmo com a crise financeira que o país enfrenta, em Janeiro deste ano (2019), efectou um reajuste salarial a favor dos professores e não só.

 A II conferência com mais de 150 delegados, que termina ainda hoje, aborda temas como, apresentação, discussão e aprovação do relatório de balanço e contas do mandato de 2013/2019, parecer do conselho fiscal de controlo e disciplina sobre o relatório, apresentação, discussão e aprovação de propostas de emendas aos estatutos, aprovação do programa de acção para o quinquénio 2020/2025, entre outros.

Agenda de trabalhos, reserva igualmente a eleição do conselho geral do sindicato, presidente, direcção executiva e do conselho fiscal, bem como dos delegados ao II congresso ordinário da federação.

O sindicado dos trabalhadores da educação na província do Bié, controla 10 mil 111 filiados, dos mais de 13 mil e 656 professores controlados pelo sector da educação.

Prestigiam a cerimónia, o presidente da Federação dos Trabalhadores da Educação, Cultura, Desportos e Comunicação Social, José Joaquim Laurindo, o secretário da UNTA-CS do Bié, Herculano Nguendangolo, delegados vindo dos nove municípios da província e convidados.

Leia também
  • 13/09/2019 11:54:17

    Município do Mucaba necessita mais de 100 professores

    Uíge - Cento e 67 professores do ensino primário, I e II Ciclo são necessários para responder a demanda no município do Mucaba, informou hoje, o director municipal da Educação, João Moniz.

  • 11/09/2019 13:12:49

    Governador do Bié quer comunidades envolvidas na alfabetização

    Cuito - O governador do Bié, Pereira Alfredo, destacou, terça-feira, a necessidade de as famílias rurais aderirem as aulas de alfabetização, de forma activa, para contribuirem para o desenvolvimento da província e do país.

  • 09/09/2019 18:05:07

    Licenciados a distância perdem título no Bié

    Cuito - Noventa e três professores da província do Bié, que adquiriram os graus de licenciados a distância pela Universidade Grendal do Brasil, serão despromovidos ao escalão de técnicos médios.