Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

21 Outubro de 2019 | 12h33 - Actualizado em 21 Outubro de 2019 | 14h56

Escolas de Cabinda reforçadas com carteiras

Cabinda - Duzentas e oitenta e seis escolas do ensino primário do I e II níveis dos quatro municípios da província de Cabinda vão beneficiar, até Dezembro próximo, de 28 mil carteiras.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Crianças da Escola primária da Beira Nova, Comuna de Dinge, município de Cacongo

Foto: Pedro João

Neste final de semana, foi beneficiária a escola secundária do II ciclo Barão Puna, do município de Cabinda, que recebeu 642 carteiras, das mais de mil que a instituição necessita para melhorar a acomodação dos alunos.

O governador da província, Marcos Alexandre Nhunga, disse que o reforço, para além de melhorar a acomodação dos alunos, vai contribuir para o desenvolvimento e aprendizagem dos estudantes.

"Até Dezembro próximo, vamos colocar à disposição da Secretaria da Educação 28 mil carteiras para cobrir as necessidades actuais e também restaurar algumas escolas", disse.

O sistema de ensino e aprendizagem estende-se a toda a província, com 286 escolas pública e 53 privadas, perfazendo um total de 340 escolas o que corresponde a 2.102 salas de aula.

O corpo docente é composto por três mil e 895 efectivos, número que cresceu com a admissão de mais 791 professores, para o presente ano lectivo.

Cerca de 200 mil alunos estão matriculados no presente ano lectivo, nos municípios de Cabinda, Cacongo, Belize e Buco Zau, contra os 180 mil inscritos em 2018.

Assuntos Província » Cabinda  

Leia também
  • 17/10/2019 15:17:43

    Vice-governador quer valências científicas nas comunidades

    Cabinda - O vice-governador de Cabinda para o Sector Político e Social, Alberto Paca, espera dos novos técnicos superiores a aplicação dos conhecimentos e experiências adquiridas ao longo dos anos de formação em prol do bem-estar da população.

  • 27/08/2019 16:39:23

    Novos licenciados da UON prontos ajudar o país

    Cabinda - O país passa a contar a partir desta terça-feira (27) com mais 891 licenciados e quatro mestres formados pela Universidade Onze de Novembro (UON), sedeada na província de Cabinda, que estão prontos a contribuir para o desenvolvimento de Angola.

  • 24/08/2019 03:53:48

    Universidade Lusiada gradua 192 finalistas em Cabinda

    Cabinda - Cento e 92 novos licenciados do Instituto Superior Politécnico Lusíadas de Cabinda, (ISPLC) receberam sexta-feira, nesta cidade, os seus diplomas, em cerimónia decorrida no pavilhão multi-uso do Tafe.