Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

10 Setembro de 2019 | 13h28 - Actualizado em 10 Setembro de 2019 | 13h28

Teerão acusa Israel de tentar provocar uma guerra

Teerão - O ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohamad Yavad Zarif, rejeitou nesta terça-feira as acusações de Israel sobre uma instalação nuclear secreta que Teerão teria ocultado e acusou Telavive de procurar a guerra contra a República Islâmica, noticiou a Lusa.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

"Aqueles que têm armas nucleares 'REAIS' causaram alarme com uma ALEGADA instalação 'demolida' no Irão", escreveu Zarif numa mensagem difundida hoje pela rede social Twitter.

O chefe da diplomacia iraniana referia-se ao primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, que acusou estar a tentar assustar a "comunidade internacional" com informações falsas.

Netanyahu disse na segunda-feira que Israel descobriu as instalações onde o Irão pretende desenvolver armamento nuclear.

As instalações, localizadas na zona de Abadeh, segundo Israel, eram desconhecidas e foram mantidas em segredo e destruídas em Junho e Julho, depois de terem sido descobertas pelos israelitas.

"Ele e a 'Equipa B' só querem a guerra, sem se importarem com o sangue dos inocentes", acusou Zarif, referindo-se a Netanyahu, ao assessor para a Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Bolton e aos príncipes herdeiros da Arábia Saudita e de Abu Dabi, Mohamed bin Salman e Mohamed bin Zaed al Nahyan.

Assuntos Diplomacia  

Leia também