Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

11 Fevereiro de 2018 | 21h53 - Actualizado em 13 Fevereiro de 2018 | 13h48

Secretário da Cultura aconselha grupos a organizarem-se em associações

Luanda - O secretário de Estado da Cultura, João Constantino, manifestou este domingo o desejo de ver os grupos carnavalescos organizados em associações, com o intuito de conseguirem fundos próprios.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Secretário de Estado da Cultura, João Constantino

Foto: Henri Celso

O responsável,  que falou à Angop à margem do desfile da Classe B, frisou que a concretização desse intento poderá aliviar o Estado de despesas com bens materiais e transferi-las para a sociedade civil.

Para João Constantino, é preciso que os grupos criem independência, a sua própria capacidade financeira para fazerem o Carnaval menos dependente do Estado, pois aos poucos o Estado vai reduzindo os seus apoios.

 “De uma forma geral estou a gostar da indumentária, das canções, coreografias enfim, espero que vença o melhor”, augurou.

João Constantino augura uma Marginal mais repleta de gente durante o desfile da classe A, na terça-feira, uma vez que, no actual desfile regista-se poucos assistentes, com algumas arquibancadas e tribunas totalmente sem gente.

Espera com ansiedade ver a participação dos cinco grupos carnavalescos vindos das províncias do interior.

Assuntos Angola   Carnaval  

Leia também