Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

02 Março de 2019 | 21h28 - Actualizado em 03 Março de 2019 | 15h59

Falhas organizativas marcam desfile do Carnaval infantil

Luanda - O Carnaval da classe infantil que realizou-se, neste sábado, na Nova Marginal de Luanda, ficou marcado pelo atraso, de cerca de 50 minutos, do início dos desfiles, e algumas falhas organizativas, tais como o aglomerado de pessoas em zonas restritas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

carnaval infantil em luanda

Foto: Joaquina Bento

O início do desfile, aprazado para às 17 horas, começou apenas  50 minutos depois, sem qualquer justificação oficial. A multidão, que se colocou em frente às bancadas dos jornalistas em serviço e em cima da faixa de rodagem, dificultando o trabalho de reportagem, foi outro dos pontos negativos da organização do evento.

As pessoas só foram retiradas pelo efectivo da Polícia Nacional, do espaço defronte à zona restrita quando já havia decorrido mais de metade do tempo do desfile dos grupos.

À margem destas insuficiências, exibiram-se na pista da Nova Marginal 15 grupos infantis, sendo a colectividade Cassules Kazukuta do Sambizanga o primeiro a entrar em cena, enquanto a agremiação Cassules Kazukuta do Hoji ya Henda foi o último grupo a desfilar.

Os grupos transmitiram nas suas canções mensagens de paz, esperança, amor, patriotismo, respeito pelos direitos da criança, combate à violência contra menores, entre outros assuntos, sendo o semba, a kazukuta e a cabecinha as danças predominantes da colectividade.

A plateia, constituída na sua maioria por crianças, aplaudia de forma alegre e organizada a cada uma das passagens dos 15 grupos, criando um ambiente mais festivo, num cenário decorado com balões, fitas e bandeiras coloridas.     

Entre a plateia assistia-se também um show à parte com desfile de crianças fantasiadas de super-heróis, como Homem-Aranha, Homem-de-Ferro, Hulk , além de outras figuras como Zorro, Doutra Brinquedo, princesas, bruxas, reis, palhaços, entre outras personagens que ajudaram a abrilhantar o evento.

Assuntos Carnaval  

Leia também
  • 01/03/2019 18:44:32

    Cultura com quatro milhões para o Carnaval

    Caxito - Quatro milhões e 254 mil Kwanzas é o valor disponibilizado pelo Governo do Bengo para o Carnaval, uma redução comparativamente os sete milhões e 454 mil Kwanzas da edição anterior.

  • 01/03/2019 13:30:32

    Trinta grupos participam do carnaval no Uíge

    Uíge - Trinta grupos carnavalescos, dos quais 15 adultos e igual número de infantis, participam do desfile central provincial do carnaval no Uíge, a acontecer terça-feira, 5 de Março, nesta cidade.

  • 28/02/2019 17:49:40

    Carnaval no Lubango condicionado

    Lubango - A realização do Carnaval no município do Lubango, capital da província da Huíla, está condicionado devido a exiguidade de verbas, afirmou, nesta quinta-feira, a administradora-adjunta para a área social, Margarida Acácio.