Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

05 Julho de 2019 | 08h41 - Actualizado em 05 Julho de 2019 | 08h40

Lueji A'nkonde aposta na promoção dos valores culturais

Dundo - A universidade Lueji A'nkonde vai, num esforço conjunto com o governo da Lunda Norte, promover acções e aprofundar as suas pesquisas, visando o resgate dos valores culturais e divulgação do Sona, símbolo cultural tchokwe que significa escrita na areia, na perspectiva de eleva-la a património cultural.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Para o efeito, a universidade, através da Escola Superior Pedagógica, promoveu uma conferência internacional sobre o ensino da Matemática, encerrada quinta-feira, onde investigadores europeus, africanos e americanos abordaram vários aspectos culturais e socioeconómico da província, com destaque para o símbolo Sona.

A intenção foi de encontrar mecanismos para influenciar a inclusão do Sona no currículo do ensino da Matemática em Angola, porque pelo seu exercício mental durante a sua construção, interpretação representativa e substantiva, garante uma formação multicultural para todas as franjas.

Os investigadores concluíram durante a conferência, que aspectos culturais bem compreendidos podem influenciar positivamente no processo de ensino e aprendizagem, daí que devem ser valorizados.

Sona era usada para comunicação dos ancestrais da Lunda Norte, em forma de gravuras em paredes de casas, árvores e no chão (areia) nas aldeias para serem decifradas pelos demais membros da comunidade.

De difícil decifração, a gravura encontra-se actualmente no Museu Dundo e em um livro que retrata a cultura bantu e já foi retratada numa longa-metragem "Os deuses da água", numa co-produção entre Argentina e Angola, em 2013.

A universidade Lueji A'nkonde foi criada e implementada na IV Região Académica em 2012, estando estruturada pelas províncias da Lunda Norte (sede) com a Escola Superior Pedagógica, Escola Superior Politécnica no município do Cuango, faculdade de Direito e de Economia.

Na Lunda Sul com a Escola Superior Politécnica onde funcionam os cursos de engenharia e de ciências sociais e humanas, em Malange com a faculdade de medicina.

Possui centros de estudos de desenvolvimento social (CEDES), de investigação científica e assessoria jurídica (CICAJ), de investigação de medicamentos e toxicologia (CIMETOX) e de estudos em ciências pedagógicas.

Já colocou no mercado nacional e internacional oito obras literárias.

Leia também
  • 01/07/2019 13:48:56

    Docente defende maior valorização do Sona

    Dundo - O director-geral da Escola Superior Pedagógica (ESP) da Lunda Norte, Jorge Velozo, defendeu, nesta segunda-feira, a necessidade de se valorizar mais e elevar o ''Sona'', símbolo da cultura tchokwe, a património mundial, tendo em conta a sua importância na comunicação do povo desta região.

  • 20/06/2019 18:42:12

    Refugiados da RDC realizam actividades culturais

    Lóvua - A exibição de danças, teatro e músicas, que representam hábitos e costumes da cultura da República Democrática do Congo (RDC), preencheram hoje, quinta-feira, o acto alusivo ao 20 de Junho, Dia do Refugiado, no campo do Lóvua, província da Lunda Norte.

  • 05/06/2019 12:00:35

    Museu do Dundo necessita de três especialistas

    Dundo - Três especialistas formados em museologia, arqueologia, etnografia, história natural e antropologia são necessários para a constituição do Conselho Científico do Museu do Dundo, Lunda Norte, de acordo o Estatuto Orgânico.