Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

24 Fevereiro de 2020 | 21h12 - Actualizado em 24 Fevereiro de 2020 | 21h13

Mais de 400 efectivos da polícia asseguram Carnaval na Catumbela

Lobito - Quatrocentos e cinquenta agentes afectos a vários órgãos do Comando Provincial de Benguela da Polícia Nacional, incluindo os serviços de bombeiros, estão em prontidão para o asseguramento do desfile do Carnaval edição 2020, a realizar-se nesta terça-feira (25), na marginal do município da Catumbela, apurou a Angop.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Benguela: Tudo a postos na Marginal da Catumbela

Foto: José Honório

Às forças de asseguramento no local, nomeadamente efectivos da ordem pública, brigada canina, Serviço de Investigação Criminal (SIC) da Viação e Trânsito, juntar-se-ão mais de cem efectivos dos Bombeiros e Protecção Civil, entre os quais 50 nadadores-salvadores, distribuídos em pontos estratégicos da marginal adjacente ao rio Catumbela.

Para além disso, estão ainda a postos 30 técnicos do Instituto Nacional de Emergências Médicas de Angola (INEMA), entre os quais sete médicos de clínica geral, cirurgia maxilo-facial e ortopedia, enfermeiros, motoristas e pessoal de apoio, para atender a demanda esperada da população no palco do Entrudo.

O inspector-bombeiro Eduardo dos Santos, porta-voz da corporação em Benguela, adiantou que, devido à subida do caudal do rio resultante das chuvas, os nadadores-salvadores vão “patrulhar” o local, de modo a evitar situações de afogamentos.

Para tal, os bombeiros contam com duas viaturas de resgate e salvamento, uma de extinção de incêndio com capacidade para 10 mil litros, bem como uma ambulância para eventuais casos de emergência.

Já o coordenador em exercício do INEMA, Nani Francisco, diz haver condições para assistência médica e medicamentosa à população, até porque estão mobilizadas quatro ambulâncias e cinco salas reequipadas nos hospitais da Polícia e de São Pedro, nas proximidades da marginal da Catumbela, e no Geral de Benguela.

Entretanto, o administrador municipal da Catumbela, Fernando Belo, afirmou que a localidade está pronta para receber a 42ª edição do Carnaval, uma vez estarem criadas todas as condições de asseguramento dos grupos e do público na marginal.

O edil da Catumbela acrescentou que a administração municipal já recuperou uma boa parte dos postos de iluminação pública na marginal, a fim de assegurar que o desfile se realize noite adentro sem sobressaltos.

Para o responsável, a vila – capital do Carnaval 2020 em Benguela - preparou o melhor possível não só no asseguramento, como no acolhimento dos restantes grupos, sobretudo aqueles dos seis municípios do interior da província, desigandamente Balombo, Bocoio, Caimbambo, Cubal, Ganda e Chongoroi.

Fernando Belo acredita, por isso, que a Catumbela vai ganhar maior visibilidade a nível do país e dos turistas de outras nacionalidades, tendo em conta a sua rica tradição cultural, patente no grupo Bravos da Vitória, 27 vezes campeão provincial do Carnaval de Benguela.

Por sua vez, o chefe de Departamento Provincial do Turismo, João Calete, destacou o mar, rio, zonas verdes como factores que tornam a Catumbela num forte atractivo para os turistas, sobretudo em época de Carnaval.

Esta terça-feira, vão tomar de assalto a marginal da Catumbela, na 42ª do Carnaval, 21 grupos em representação dos 10 municípios da província de Benguela, sendo 12 de adulto e nove na classe infantil.

Embora o Carnaval seja na terça-feira, 25, a Catumbela já vive o clima de festa, com barracas de comes e bebes a atrair dezenas de populares à marginal, onde o cenário já está montado para exibição dos grupos, sob olhares atentos do júri.

Leia também
  • 24/02/2020 20:57:11

    Amazonas do Prenda presta tributo ao comandante Vidal

    Luanda - O União Amazonas do Prenda, do distrito urbano da Maianga, vai render homenagem ao comandante Pedro Vidal, pelos mais de 40 anos dedicados à cultura nacional, particularmente a dançar o Carnaval.

  • 24/02/2020 19:30:54

    Kabocomeu dança kazukuta na Nova Marginal

    Luanda - O grupo União Operário Kabocomeu apresenta-se ao ritmo do kazukuta no palco da Nova Marginal, onde decorre no desfile da Classe A do Carnaval de Luanda.

  • 24/02/2020 19:10:53

    Grupo 17 de Setembro aborda sofrimento de Jesus no Carnaval

    Luanda - O sofrimento de Jesus Cristo, vivido momentos antes da sua crucificação, é o tema que o grupo carnavalesco União 17 de Setembro apresenta na Nova Marginal, palco do Entrudo de Luanda