Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

13 Janeiro de 2018 | 04h52 - Actualizado em 14 Janeiro de 2018 | 14h15

Huíla: Governador defende policiamento actualizado e permanente

Lubango - A complexidade das missões de garantia de segurança, ordem e tranquilidade pública exigem actualizações permanentes dos métodos de actuação para a obtenção de resultados mais eficazes na prevenção e combate de crimes, defendeu sexta-feira, no Lubango, o governador provincial da Huíla, João Marcelino Tyipinge.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Huíla: Marcelino Tyipinge - governador provincial

Foto: Morais Silva

O governante, que falava na primeira reunião de auscultação à comunidade, no âmbito do policiamento de proximidade, disse que a participação da população é primordial nesta "grande empreitada", com a prestação de informações úteis à polícia, para que a mesma possa cumprir as suas obrigações com maior rigor, uma vez que o agente não pode estar em todos os locais.

Afirmou que estudos comprovam que a nova visão de policiamento, voltada para a comunidade, promovem alterações significativas de modelos na prestação de serviços de segurança a população, onde o objectivo principal é de estreitar as relações entre o polícia e a sociedade.

Frisou que o polícia que trabalha com a comunidade constitui um ser mais humano e legitimo, na busca de acções e práticas efectivas, que  possam reduzir significativamente o impacto dos problemas causados pela criminalidade na província.

Enalteceu a iniciativa da delegação provincial do Ministério do Interior em promover a acção, que se enquadra na filosofia de policiamento com a  participação directa da população, mediante a sua protecção e segurança no meio social.

Estiveram  presentes na reunião perto de 500 participantes da comunidade da Huíla, desde administradores municipais, comunais e de bairros, comandantes municipais da Polícia Nacional, Serviços de Protecção Civil e Bombeiros, Serviços Penitenciários e da Migração Estrangeiro, autoridades tradicionais e religiosas, líderes juvenis, coordenadores das comissões de moradores de bairros, entre outros.

Leia também
  • 05/11/2018 20:21:31

    Huíla reforça combate à criminalidade

    Lubango - A província da Huíla reforçou nesta segunda-feira o combate à criminalidade, com a entrega de três viaturas novas ao Comando Provincial da Policial Nacional, pelo governador da Huíla, Luís Nunes.

  • 31/10/2018 19:27:21

    Governador quer mais dinamismo em Caconda

    Caconda - O governador da Huíla, Luís Nunes, pediu hoje (quarta-feira), em Caconda, ao novo administrador que faça um diagnóstico profundo das principais necessidades do município, com vista a implementar maior dinâmica à governação.

  • 25/10/2018 13:33:17

    Candidata à liderança da Jura apela à unidade

    Lubango - A candidata à liderança da Jura (organização juvenil da UNITA), Dulce Pataco, apelou à unidade e ao espírito de grupo, para suplantar ao que chamou de "degradação da unidade" nessa estrutura partidária.

  • 24/10/2018 17:43:03

    Província ganha Centro Integrado de Segurança Pública do MININT

    Lubango - Um Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), que visa conferir maior celeridade na actuação dos oficiais que integram as diversas forças de segurança no país, será nos próximos meses instalado no Lubango, província da Huíla, informou hoje, nesta cidade, o director nacional das Infra-Estruturas e Equipamentos do Ministério do Interior, Carlos Albino.