Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

15 Abril de 2019 | 14h43 - Actualizado em 15 Abril de 2019 | 20h24

Angola defende melhor balança comercial com Cuba

Luanda - Angola defende o incremento da cooperação com Cuba, focada na diversificação das exportações e substituição das importações, para a melhoria da balança comercial entre os dois países.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Vice-presidente do Conselho de Ministros, Ricardo Cabrisas Ruiz

Foto: JOAQUINA BENTO

Ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Frederico Cardoso (ao centro)

Foto: JOAQUINA BENTO

Este posicionamento foi defendido pelo ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Frederico Cardoso, durante a 14ª reunião da Comissão Intergovernamental Angola-Cuba, que decorre em Luanda, com a parte cubana representada pelo vice-presidente do Conselho de Ministros, Ricardo Cabrisas Ruiz.

Actualmente, as relações de cooperação entre os dois países circunscrevem-se a vários domínios, mormente, militar, defesa, segurança, saúde, educação, ensino superior, petróleos e indústria, com base num acordo geral de cooperação assinado em 1976.

Deste modo, Frederico Cardoso augura que os trabalhos da 14ª Comissão Intergovernamental inaugurem uma etapa que se caracterize por um melhor e mais consistente acompanhamento da execução física e financeira dos acordos e dos contratos assinados.

O governante angolano defende, igualmente, uma metodologia prática e eficaz para a correcção, em tempo útil, de eventuais desvios e constrangimentos existentes, para a satisfação das expectativas de qualidade e de desempenho nas prestações de cada uma das partes.

Na sua óptica, isso poderá descobrir, através do envolvimento de ambas partes, novas oportunidades de negócios, em que se possa cooperar com reciprocidade de vantagens, para satisfação dos respectivos governos e povos.

Da parte do Executivo angolano, assegurou, Cuba pode contar com o permanente empenho no sentido da contínua consolidação das tradicionais relações de amizade e de cooperação existentes e torná-las mais fortes, capazes de garantir o desenvolvimento sustentável.

Em resposta, o vice-presidente do Conselho de Ministros de Cuba informou que, no quadro da actualização do seu modelo económico e social, o seu país trabalha na diversificação das importações de bens e serviços.

Neste contexto, Ricardo Cabrisas Ruiz destacou a área farmacêutica, que conta com uma nova indústria de alta tecnologia e competitividade.

A segunda figura na hierarquia governativa cubana defendeu, ainda, um trabalho conjunto e sistemático, para que se tenha uma maior presença de empresas angolanas a operar em Cuba, em sectores de interesse mútuo, no quadro das projecções do desenvolvimento económico e social a curto, médio e longo prazos.

O governante cubano disse ser desejo de Cuba colaborar com Angola nos distintos eixos do Plano de Desenvolvimento Nacional, especialmente, em educação e ensino superior, desenvolvimento dos recursos humanos, saúde, assistência e protecção social, habitação e cultura.

Na ocasião, Ricardo Cabrisas Ruiz convidou os empresários angolanos a participarem, em Novembro, na 37ª Edição da Feira Internacional de Havana.

Actualmente, 2077 colaboradores cubanos prestam serviço em Angola, nos mais variados domínios.

A reunião vai analisar, em três dias, a renegociação e assinatura do acordo de usufruto recíproco de imóveis, a revisão sectorial dos acordos de cooperação entre os dois países, a avaliação da dívida de Angola para com Cuba, o papel da agência de cooperação ANTEX, entre outros.

Angola e Cuba mantêm relações político-diplomáticas históricas e de longa data.

Assuntos Cooperação  

Leia também
  • 15/04/2019 21:28:03

    Governante lusa considera existirem condições objectivas para êxito de visita

    Luanda - A ministra da Justiça de Portugal, Francisca Van-Dúnem, referiu que neste momento existem condições objectivas para êxito de visita a Angola, no período de 16 a 18 do corrente, que estará centrada no reforço da cooperação e melhoria dos sistemas de registo e de tramitação processual.

  • 14/04/2019 20:20:51

    Angola: Vice-presidente do Conselho de Cuba aguardado em Luanda

    Luanda - O Vice-presidente do Conselho de Ministros da República de Cuba, Ricardo Cabrisas Ruiz, é aguardado, segunda-feira (15), em Luanda, para participar na reunião da XIV Sessão da Comissão Intergovernamental Angola-Cuba, que vai decorrer na capital do país, durante três dias (segunda a quarta-feira).

  • 13/04/2019 10:29:24

    Angola-Turquia: Chefes da diplomacia reúnem-se em Antália

    Antália, Turquia (Do enviado especial, Mauro Romeu) - Os ministros das Relações Exteriores de Angola, Manuel Augusto, e dos Negócios Estrangeiros da Turquia, Mevlut Çavusoglu, mantiveram, este sábado, um encontro privado em Antália, considerada a capital turística turca, com foco no estreitamento das relações bilaterais.