Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

16 Outubro de 2019 | 16h48 - Actualizado em 16 Outubro de 2019 | 16h46

Benguela conta com 11 novos magistrados do Ministério Público

Benguela - Onze novos procuradores da República, apresentados esta quarta-feira ao governador da província, Rui Falcão, vão reforçar o quadro actual dos agentes do Ministério Público, no quadro da política do Executivo que visa tornar a justiça cada vez mais próxima do cidadão.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Magistrados do Ministério Público (arquivo)

Foto: Rosário dos Santos

Segundo o sub-procurador geral da República titular de Benguela, Herculano Xilanda, que procedeu a apresentação dos 11 novos magistrados, os mesmos vão juntar-se a outros 34 que laboram na província, totalizando 45 agentes, para responderem à uma demanda de 35 mil processos em curso na circunscrição.

Na ocasião, Rui Falcão sublinhou a nobreza da tarefa de um procurador e disse ser necessário reforçar a cooperação institucional com os demais órgãos do Estado para, em conjunto, não só proteger-se o que é público, mas criar-se igualmente condições para uma melhor gestão do erário.

O governador disse esperar que, com o reforço da equipa de procuradores, possa se obter um desempenho ainda melhor na administração da justiça.

“Nem todos compreendem a vossa nobre tarefa, mas é preciso persistirem, pois esta é a chamada que o país faz a vocês”, defendeu o governante, lembrando que alguns magistrados vão encontrar algumas dificuldades, próprias do trabalho e do contexto das regiões para as quais vão trabalhar.

Cláudio Quitamba, procurador colocado no município do Cubal, disse a propósito que a sua colocação naquela circunscrição visa ajudar um outro magistrado que já lá funciona há algum tempo.

“Vou contribuir com o meu trabalho para o alcance do direito e da justiça no Cubal,  apesar de não conhecer bem o município, já estive lá e espero corresponder às exigências”, avançou.

Os novos procuradores vão ser distribuídos pelos dois Tribunais de Comarca da Província, nomeadamente de Benguela e do Lobito, devendo o primeiro atender os municípios a sul da província (Cubal, Ganda, Chongoroi, Caimbambo, Baía Farta e a sede da província), ao passo que o segundo vai zelar pelo Bocoio, Balombo, Catumbela e Lobito.

Leia também
  • 16/10/2019 12:57:00

    Funcionários do Tribunal Provincial em julgamento

    Benguela - Sete funcionários do Tribunal Provincial de Benguela estão, desde hoje (quarta-feira), a ser julgados por crimes de peculato, falsificação de documentos e associação criminosa.

  • 11/10/2019 20:08:10

    CASA-CE considera "deplorável" situação dos sinistrados das chuvas de 2015

    Benguela - Membros do Grupo Parlamentar da CASA-CE, que trabalharam nesta província, de 09 a 11 do corrente, consideraram lastimosa as condições de habitabilidade das mais de 350 famílias sinistradas das chuvas de 2015, acampadas no assentamento dos Cabrais, devido a falta de condições condignas, mormente de água potável.

  • 09/10/2019 16:45:57

    Deputados da CASA-CE trabalham em Benguela

    Benguela - Uma comitiva da bancada parlamentar da CASA-CE, chefiada pelo deputado Manuel Fernandes, iniciou, esta quarta-feira, uma visita de trabalho de 72 horas a província de Benguela, com o intuito de avaliar o funcionamento de algumas infra-estruturas sociais e económicas.