Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

03 Março de 2020 | 21h41 - Actualizado em 03 Março de 2020 | 21h41

Ex-secretário do Governo cumpria ordens do governador

Huambo - O ex-secretário do Governo do Huambo, João Sérgio Raúl, acusado e pronunciado na prática do crime de peculato negou, hoje, terça-feira, em juízo, ter cometido tal delito, uma vez que apenas cumpria ordens do então governador provincial, Fernando Faustino Muteka.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ouvido no Tribunal Provincial do Huambo, no quadro do julgamento que decorre desde segunda-feira, no qual são arrolados outros quatro ex-gestores públicos pelo cometimento do mesmo crime, entre 2011 a 2014, disse que mesmo doente o então governador Fernando Faustino Muteka nunca delegou a gestão financeira da província.

Acrescentou, durante o interrogatório, que Fernando Faustino Muteka, arrolado nos autos como declarante, apenas quando esteve na República da Alemanha em tratamento médico, em 2014, terá orientado ao vice-governador, Francisco Fato, na altura governador em exercício, de modo que este passasse assinar as ordens de saque.

O Tribunal prossegue nesta quarta-feira com a audição de outros co-autores.

São co-réus Victor Chissingue, ex-director do Gabinete de Estudos e Planeamento, entre 2011 e 2014, Constantino de Jesus César, ex-chefe do Departamento de Administração, Património, Informática, Gestão do Orçamento e Transportes.

De igual modo, está a ser julgado o ex-director do gabinete do governador Fernando Faustino Muteka, e o ex-chefe de Secção de Execução Orçamental e Contabilidade do Governo do Huambo, Claudino Sicato Fernandes Isaías.

Todos os co-arguidos acusados de se terem apropriado, entre 2011 e 2014, de avultadas somas monetárias do erário, respondem em liberdade.

Assuntos Crime  

Leia também
  • 27/01/2020 23:38:05

    Ex-administradora do Chinguar condenada a nove anos de prisão

    Cuito - A ex-administradora do Chinguar, Beatriz Napende Diniz, voltou a ser condenada esta segunda-feira, pelo Tribunal Provincial do Bié, a nove anos e 11 meses de prisão maior, por crimes de peculato, branqueamento de capitais e associação criminosa, cometidos entre 2011 e 2018.

  • 03/12/2019 17:15:06

    Tribunal condena ex-administradora do Chinguar a 12 anos de prisão

    Cuito - A ex-administradora do Chinguar, Beatriz Napende Diniz, foi condenada segunda-feira a 12 anos de prisão por crimes de peculato, branqueamento de capitais e associação criminosa.

  • 01/11/2019 18:01:22

    Detido ex-director dos Antigos Combatentes no Bié

    Cuito - O ex-director do Gabinete Provincial dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria do Bié, Jacinto dos Santos José, encontra-se detido, desde quarta-feira última, na sequência de um mandado de captura da Procuradoria Geral da República(PGR), por indícios de prática do crime de peculato.