Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

26 Junho de 2020 | 15h51 - Actualizado em 26 Junho de 2020 | 15h50

CNJ admite dificuldades financeiras

Luanda - O presidente do Conselho Nacional da Juventude, Tingão Mateus, afirmou hoje, sexta-feira, que a instituição que dirige debate-se com dificuldades financeiras para cumprir com os seus propósitos, que visam o bem-estar dos jovens angolanos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Tingão Mateus, Presidente da CNJ ( arq.)

Foto: António Escrivão

De acordo com o responsável, que falava no encontro que manteve com os deputados da 7ª Comissão da Assembleia Nacional, o CNJ, como instituição de utilidade pública, foi-lhe atribuída uma dotação de 50 milhões de kwanzas no Orçamento Geral do Estado (OGE),  que até ao momento não recebeu.

Devido a esta situação, explicou, o CNJ corre o risco de ser despejado das instalações onde funciona por incumprimento do contrato rubricado com o BCI imobiliária, dono do imóvel.

Tingão Mateus salientou que, com vista a sobreviver, os líderes juvenis são obrigados a empregar meios próprios para os contactos com várias organizações sociais, que se têm compadecido com a situação financeira da instituição.

Por outro lado, anunciou que o CNJ está a levar a cabo um projecto denominado “Stop Covid” com jovens voluntários, com vista à sensibilização das comunidades sobre o perigo da pandemia da covid-19.

Por seu turno, o presidente da 7ª Comissão (Cultura, Assuntos Religiosos, Comunicação Social, Juventude e Desportos), Boaventura Cardoso, afirmou que vão fazer advocacia para que, no próximo OGE, estes constrangimentos possam ser ultrapassados.

Manifestou a sensibilidade dos parlamentares em relação às dificuldades que o CNJ enfrenta do ponto de vista financeiro.

Afirmou que, no encontro, obtiveram informações importantes sobre o funcionamento do CNJ, seus planos de trabalho e perspectivas para o seu desenvolvimento.

Leia também
  • 19/06/2020 19:07:30

    Protocolo da SADC sobre ciência permite integração da região

    Luanda - O Protocolo da SADC, sobre Ciência, Tecnologia e Inovação, permite a criação de uma unidade tecnológica no seio da região, para facilitar a coordenação e integração das questões ligadas a este pressuposto em todos os programas da organização.

  • 18/06/2020 18:25:24

    Aprovada Lei de Bases do Sistema de Pagamento

    Luanda - A Proposta de Lei de Bases do Sistema de Pagamento de Angola foi aprovada esta quinta-feira, na generalidade, por unanimidade, pela Assmbleia Nacional (parlamento angolano).

  • 18/06/2020 17:42:03

    Parlamento aprova alteração à Lei de Contratos Públicos

    Luanda - Os deputados angolanos aprovaram esta quinta-feira, na generalidade, a Proposta de Alteração da Lei de Contratos Públicos com 141 votos a favor, nenhum contra e 54 abstenções da UNITA.