Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

10 Julho de 2020 | 09h38 - Actualizado em 10 Julho de 2020 | 09h38

UNITA pede rigor na execução do PIIM

Saurimo - O secretário provincial da Unita na Lunda Sul, Salvador António, pediu, na quinta-feira, rigor na gestão das acções do Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Com quatro municipios, a província da Lunda Sul foi contemplada com 40 projectos, dos quais 32 já em execução, nos sectores da educação, saúde, saneamento básico, energia e águas, obras públicas, segurança, quadras desportivas, entre outras, avaliados em onze mil milhões, 571 milhões, 530 mil e 423 kwanzas.

Segundo o político, que falava à Angop a propósito das obras em execução no âmbito do PIIM, é preciso menos reuniões e mais acções, para a operacionalização do programa, tendo em conta o seu impacto na melhoria da qualidade de vida dos cidadãos.

Sublinhou que os cidadãos devem participar activamente, fazendo jus ao apelo da necessidade da governação participativa que se pretende e que estabeleça a ponte entre governantes e governados para soluções dos diferentes problemas dos munícipes.

“Urge a necessidade de todo o cidadão, independentemente da sua filiação partidária, se transformar num fiscal dos projectos do PIIM inscritos no Orçamento Geral do Estado a nível local”, disse.

Frisou que a fiscalização deve incidir na quantidade e qualidade dos projectos e das obras para se aferir se os valores aplicados correspondem com esses aspectos, acrescentando que essa missão não pode ficar apenas a cargo dos partidos políticos.

O político reconheceu o crescimento da cidade da Lunda Sul, exigindo, no entanto, uma gestão mais criteriosa e interventiva, a fim de se corrigir hábitos, como a proliferação de mercados, prática que retira a estética da urbe e periga a saúde dos cidadãos.

Ao governo lançou o repto para a criação de infra-estruturas produtivas nos municípios e  melhorar as vias de acesso para circulação de pessoas e o escoamento dos produtos do campo para chegarem às cidades com facilidade.

A província da Lunda Sul possui quatro municípios, nomeadamente Cacolo, Dala, Muconda e Saurimo, onde vive uma população estimada em 629 mil habitantes.

Leia também
  • 09/07/2020 14:34:15

    AN dá "luz verde" à revisão do OGE/2020

    Luanda - A Assembleia Nacional (AN) aprovou hoje o relatório parecer conjunto da proposta de lei que aprova o Orçamento Geral do Estado Revisto (OGE) para o exercício económico 2020, com 22 votos a favor, nenhum contra e cinco abstenções.

  • 07/07/2020 18:48:24

    Covid-19: MPLA no Bié denuncia campanhas de desinformação

    Cuito - Algumas pessoas de má-fé insistem em desacreditar, desinformando a população da inexistência da covid-19, com pretexto da mesma ser uma “invenção do MPLA”, uma informação que não constitui a verdade, denunciou, hoje (terça-feira), na comuna do Cunje, o primeiro secretário desse partido no Bié, Pereira Alfredo.

  • 07/07/2020 18:22:53

    CEEAC avalia quotização dos estados membros

    Luanda - O Conselho de Ministros da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC) analisou terça-feira a quotização dos estados membros e a pré-selecção das candidaturas aos postos das várias comissões da organização.