Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

06 Abril de 2020 | 18h27 - Actualizado em 06 Abril de 2020 | 18h27

Covid-19: Ganda e Chongoroi contam com postos de rastreio

Benguela - Os municípios da Ganda e do Chongoroi, na província de Benguela, contam com postos de rastreio do novo coronavírus (covid-19) nas suas fronteiras interprovinciais com o Huambo e a Huíla.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Dístico do COVID-19, novo Coronavírus

Foto: Divulgação

Em declarações à Angop, o administrador municipal do Chongoroi, Herculano Neto, disse que na sua circunscrição o posto está montado na zona do Kutembo, limítrofe com o o município de Quilengues (Huíla), contando com um aparelho para medição da temperatura corporal (laser) e uma ambulância para evacuação de casos suspeitos.

De igual modo, disse, o local conta com um aparato policial que diariamente garante a segurança e a obrigatoriedade do cumprimento das medidas preventivas do Covid-19.

"Nos dois lados da ponte que divide as duas províncias existem postos para inspeccionar todos aqueles que pretendem sair de uma região para outra", referiu.

Herculano Neto fez saber, por outro lado, que o município já conta com duas enfermarias com capacidade para seis camas cada, preparadas para acudir possíveis casos sujeitos.

Já no município da Ganda, o administrador Francisco Prata fez saber que montou-se uma barreira na comuna da Babaera, limítrofe com a província do Huambo, onde técnicos da saúde e polícia nacional estão a fazer cumprir todas exigências sanitárias, apesar de o município não dispor ainda de um aparelho medidor de temperatura.

Quanto ao cumprimentos das medidas do Estado de Emergência em vigor no país, Francisco Prata assegurou ser um trabalho bastante aturado, devido a resistência que muitos cidadãos vão demonstrando.

"A comissão multissectorial está engajada na sensibilização da população para que estes cumpram as orientações que diariamente são passadas pelas entidades sanitárias e paulatinamente as pessoas vão cumprindo", concluiu.

Angola registou já 14 casos positivos de Covid-19, dos quais dois resultaram em morte e igual número cidadãos recuperados.

Leia também