Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

06 Abril de 2020 | 18h31 - Actualizado em 06 Abril de 2020 | 18h31

Covid-19: Mais de 30 cidadãos livres da quarentena na Lunda Norte

Dundo - Trinta e um cidadãos provenientes da África do Sul, Brasil, Ucrânia e Portugal foram liberados da quarentena domiciliar e institucional pelas autoridades sanitárias na Lunda Norte, por não apresentarem sintomas compatíveis com o novo Coronavírus (Covid-19).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

 

Actualmente, segundo a porta-voz da comissão multissectorial de resposta a pandemia na Lunda Norte, Filomena Simão, o número de cidadãos em quarentena domiciliar, sob vigilância das autoridades sanitárias, é de 11.

Informou, por outro lado, que o centro de quarentena institucional do município do Chitato foi reforçado com mais dez camas, perfazendo 20 camas de internamento.

Ainda nesta segunda-feira equipas de pulverização, triagem dos cidadãos em quarentena domiciliar, sensibilização e mobilização nas comunidades sobre as medidas de prevenção e contenção da propagação do Covid-19 participaram numa acção de formação.

ACNUR disponibilização apoio

O escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) na Lunda Norte doou 40 casas pré-fabricadas, 200 mosquiteiros, igual número de bidões de água, kits de cozinha, tendas familiares, lonas, cobertores, baldes de 14 litros, entre outros, ao governo provincial, para reforçar as condições nos centros de quarentena institucional.

Na ocasião, Chrispus Tebid, chefe do Escritório do ACNUR na Lunda Norte, reafirmou o apoio da organização ao Estado Angolano para combater esta pandemia.

UNITA mobiliza sociedade

O Secretário provincial da UNITA na Lunda Norte, Domingos Oliveira, reforçou o apelo à população para cumprirem as orientações emanadas no âmbito do Estado de Emergência, para evitar a proliferação e contenção do novo Coronavírus (Covid-19).

Em declarações à imprensa, o responsável reiterou que a única forma de se combater esta pandemia é o isolamento social, daí a necessidade da população mão ignorar e/ou resistir as medidas impostas pelo Estado angolano.

Encorajou a Policia Nacional a continuar a manter a ordem, sem excessos, actuando com pedagogia, para se evitar agressões que se tem vindo a registar nos últimos dias.

Angola já registou até ao momento 14 casos positivos de Covid-19, dos quais 6 activos, 2 recuperados e 2 falecidos.

Leia também
  • 06/04/2020 17:21:03

    COVID-19: Moradores querem suspensão de elevadores no Dundo

    Dundo - As comissões de moradores da Centralidade do Mussengue, na Lunda Norte, sugeriram a administração local, a suspender, enquanto durar o Estado de Emergência, os elevadores, no âmbito das medidas de prevenção e contenção da proliferação do novo Coronavírus (Covid-19).

  • 04/04/2020 14:37:34

    Covid-19: Chitato tem Akz quatro milhões para prevenção

    Chitato - O município de Chitato, província da Lunda Norte, tem disponível quatro milhões de kwanzas para aquisição de material de consumo, entre os quais, equipamentos de biossegurança, para acções de prevenção do novo coronavírus (covid-19).

  • 03/04/2020 21:36:54

    Covid-19: Comunidade mauritaniana doa material de biossegurança

    Dundo - A comunidade mauritaniana residente na Lunda Norte doou hoje, sexta-feira, no Dundo, material de biossegurança e bens alimentares ao hospital David Bernardino, no âmbito das medidas de prevenção e contenção da pandemia do Coronavírus (Covid-19).