Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

11 Julho de 2018 | 16h14 - Actualizado em 11 Julho de 2018 | 16h14

Incêndios causam prejuízos avaliados em mais de quatro milhões de Kwanzas

Cuito - Quatro milhões e 642 mil Kwanzas são os prejuízos de vinte e dois incêndios registados no município do Cuito, província do Bié, durante o primeiro semestre deste ano, afirmou hoje, quarta-feira, a porta-voz dos Serviços de Protecção Civil e Bombeiros, Benilde Vaz.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Porta-voz dos Serviços de Bombeiros, Benilde Lohuma Vaz

Foto: LEONARDO CASTRO

Em declarações à Angop, no Cuito, sublinhou que estão na origem dos incêndios, o fogo posto, curto-circuito, negligência, fuga de gás butano, entre outros. Em relação ao período anterior, registou-se mais dois casos. 

Em relação ao mesmo período anterior, registou-se menos 437 mil Kwanzas.

Considerou ínfimo os meios de humanos e matériais, sublinhando que a corporação tem sabido dar respostas a todas ocorrências, sem no entanto avançar o número de efectivos e meios controlados.

Os Serviços de Protecção Civil e Bombeiros removeram 26 cadáveres (mais 14), como fruto de afogamentos em rios e cacimbas, acidentes de viação e ferroviário, por consumo exagerado de bebidas alcoólicas, espancamento e enfermidade.

No mesmo período, a instituição tomou conhecimento, segundo a fonte, de 79 serviços de socorros, tais como o salvamento de pessoas, cortes e remoções de árvores na via pública, neutralizações de insectos perigosos, protecções de aeronaves e derrames de combustíveis.

Foram ainda realizados 117 serviços de transportação de doentes das suas residências e na via pública para o Hospital Geral do Bié.

No âmbito das calamidades naturais, pelo menos 20 famílias ficaram desabrigadas este ano, com a destruição das residências, pelas fortes chuvas, na circunscrição do Cuito (Bié).

Assuntos Província » Bié   Sociedade  

Leia também
  • 05/02/2019 17:25:45

    Escolas de condução de Malanje sem equipamento multimédia

    Malanje - As escolas de condução da província de Malanje carecem de equipamento multimédia para as aulas e os exames teóricos de condução, sistema que facilita o trabalho dos instrutores, assim como garante mais destreza e conhecimento aos alunos.

  • 05/02/2019 16:24:27

    Jovens beneficiam de formação em artes e oficios no Cuito

    Cuito - Trezentas raparigas serão matriculadas na segunda acção formativa a ser promovida pela Igreja Evangélica de Angola (IECA), no Bié, com a inclusão dos cursos de decoração e corte e costura.

  • 05/02/2019 16:06:23

    Militar das FAA morto a tiro na Matala

    Matala - Um militar das Forças Armadas Angolanas (FAA), de 37 de anos de idade, afecto ao Batalhão de Logística, foi morto a tiro, domingo (3), por meliantes ainda não identificados, no bairro Calumbiro, no município da Matala, província da Huíla.

  • 04/02/2019 22:16:51

    Associação planta mais de 600 árvores na Banga

    Banga - Pelo menos 650 espécies de árvores ornamentais e fruteiras foram plantadas esta segunda-feira, na vila da Banga, sede do município com o mesmo nome, província do Cuanza Norte, numa acção da associação dos naturais e amigos da localidade, Anabanga.