Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

11 Julho de 2018 | 18h28 - Actualizado em 11 Julho de 2018 | 18h27

Reduzem casos de mordeduras de cães no Uíge

Uíge - As mordeduras de cães reduziram de dois mil e 876, nos últimos seis meses de 2017, para 433 casos nos primeiros seis meses deste ano, na província do Uíge, disse hoje, quarta-feira, à Angop, o chefe de Departamento local do Instituto do Serviço de Veterinária, Abreu dos Santos Camuelo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

De acordo com responsável, nos últimos seis meses,  os ferimentos dos cães provocaram dois óbitos contra sete de igual período anterior.   

Referiu que de Janeiro a Junho deste ano foram vacinados contra a raiva,  a nível da província, mil e 259 animais de estimação entre cães, gatos, macacos e rato , na província do Uíge, pelo Instituto do Serviço de Veterinária, contra outros seis mil 723 animais imunizadas no igual período anterior .

Informou que dos animais imunizados, mil e 235 são cães, 15 são gatos, oito macacos e um rato para serviço de desminagem.

Deplorou a falta de meios de transportes para a campanha de vacinação dos animais de estimação que decorreu ainda no município do Uíge durante os seis meses deste ano, acrescentando que tão logo  as condições estejam criadas a campanha de vacinação vai abranger os 16 municípios que compõem a província do Uíge.

Realçou o engajamento de seis técnicos do serviço de veterinária na campanha de vacinação dos animais de estimação, enquanto a campanha de captura dos animais vadios está paralisada por falta de instrumentos próprios,  para o efeito.

Leia também
  • 11/07/2018 16:42:55

    Igreja Metodista apela à contínua união da mulher

    Luanda - As mulheres devem continuar a unir esforços nos diferentes domínios da vida, para salvar a igreja e a sociedade, apelou hoje, quarta-feira, o superintendente do Distrito Eclesiástico de Luanda norte, da Igreja Metodista Unida, Moisés Bernardo Jungo.

  • 11/07/2018 16:14:38

    Incêndios causam prejuízos avaliados em mais de quatro milhões de Kwanzas

    Cuito - Quatro milhões e 642 mil Kwanzas são os prejuízos de vinte e dois incêndios registados no município do Cuito, província do Bié, durante o primeiro semestre deste ano, afirmou hoje, quarta-feira, a porta-voz dos Serviços de Protecção Civil e Bombeiros, Benilde Vaz.

  • 11/07/2018 15:47:38

    Degradação de vias na base do aumento de acidentes de viação

    Ndalatando - O mau estado de conservação de algumas vias rodoviárias da província e desrespeito as normas de trânsito são apontadas como principais causas dos 104 acidentes de viação ocorridos no Cuanza Norte, de Abril à Junho do ano em curso, em que se constatou um aumento de 22 sinistros em relação ao primeiro trimestre do ano em curso.