Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

05 Julho de 2019 | 19h28 - Actualizado em 06 Julho de 2019 | 15h35

Mulheres espancadas até a morte no Bié

Cuito - Duas mulheres foram mortas, esta semana, numa lavra, por meliantes a goples de machado e outra foi espancada mortalmente pelo esposo na sua sua residência, nos arredores da cidade do Cuito, província do Bié.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A informação foi avançada hoje, sexta-feira, na cidade do Cuito, pelo director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Comando Provincial da Polícia Nacional do Bié, superintendente-chefe António Hossi, quando falava da situação delituosa dos últimos sete dias.

Contou que as vítimas mortas à machadada (mãe e filha) foram surpreendidas na lavra por dois possíveis meliantes, de 20 e 25 anos respectivamente, que ainda se apropriaram de 50 quilos de milho que as duas mulheres haviam colhido.

Disse que o facto foi denunciado por familiares aos agentes da polícia, que depois de investigação e intensas buscas deteve os presumíveis autores.

Sobre o homicídio por espaçamento, António Hossi fez saber que o facto aconteceu quando o casal discutia e entrou em pancadaria, tendo o esposo deferidos golpes que, presumivelmente, causaram a morte da vítima.

A fonte informou que o suposto autor, já foi detido por efectivos da  Polícia Nacional e encaminhado à Procuradoria-Geral da República (PGR), que pode constituí-lo arguido.

O Comando Provincial da Polícia Nacional, nos últimos sete dias, 35 crimes de natureza diversa, menos 18 casos em relação ao igual período anterior que resultaram na detenção de 27 indivíduos, por estarem alegadamente implicados nos referidos casos.

Apontou como causas do cometimento dos delitos, o uso excessivo de bebidas alcoólicas e outras drogas, divergências nos lares, ganância ao lucro fácil, o desemprego, a fome e a miséria crescente, com maior incidência nas classes menos favorecidas, falta de iluminação pública nos principais centros urbanos, assim como a inobservância às regras de trânsito.  

Assuntos Crime   Província » Bié  

Leia também
  • 06/07/2019 13:47:26

    Bié: MAPTSS anuncia contratação de 300 formadores

    Cuito - O Ministério da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social (MAPTSS) tem já criadas as condições técnico materiais para a contratação de mais de 300 formadores, para os centros públicos de formação no país, sob tutela do Instituto Nacional do Emprego e Formação Profissional (INEFOP).

  • 06/07/2019 13:42:20

    Bié: PAPE já em fase de execução - garante ministro Maiato

    Cuito - O Plano de Acção para a Promoção da Empregabilidade (PAPE), avaliado em 21 mil milhões de Kwanzas, aprovado em Decreto 113/19 de Abril deste ano, pelo Presidente da República, João Lourenço, entra agora na sua fase de execução, após terminada a etapa preparatória.

  • 05/07/2019 10:44:59

    Mais de 100 jovens no Bié recebem microcréditos

    Andulo - Cento e dois jovens do município do Andulo, 130 quilómetros a Norte da cidade do Cuito, província do Bié, receberam quinta-feira microcréditos, num financiamento do Banco Sol.