Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

03 Setembro de 2019 | 01h08 - Actualizado em 03 Setembro de 2019 | 13h34

Muxaluando terá água potável em Novembro

Caxito - Os habitantes de Muxaluando, sede do município de Nambuangongo, na província do Bengo, começam a consumir água potável a partir de Novembro deste ano, com a conclusão do projecto de Reabilitação e Expansão do Sistema de Abastecimento de Água.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O projecto ,que apresenta um grau de execução de 98 por cento foi visitado ,segunda-feira, pelo secretário de Estado das Águas, Lucrécio Costa, tendo explicado que o principal constrangimento actual é a falta de energia eléctrica, adiantando estarem já encomendados os grupos geradores para que o mesmo funcione.

Esta 1ª fase do projecto de Reabilitação  e Expansão do Sistema de Abastecimento de Água de Muxaluando, com 50 mil ligações domiciliares e chafarizes, vai beneficiar cinco mil habitantes da vila, sendo que os dos arredores estarão contemplados no programa "Água para todos".

Lucrécio Costa considerou insuficiente para aquilo que é a perspectiva do seu pelouro da melhoria do abastecimento de água à população.

“O orçamento associado ao contrato não nos permite fazer muito mais do que fizemos, por isso temos os trabalhos a mais em perspectiva e também estamos cientes de que com as orientações baixadas teremos a breve trecho o programa das acções complementares, ou seja, da segunda fase do projecto de águas de Muxaluando, que prevê a duplicação ou triplicação da reserva”, realçou.

Por sua vez, o administrador municipal de Nambuangongo, Manuel Lisboa Neto, frisou que a visita do secretário de Estado constitui uma “pressão” para que se conclua o projecto, sublinhando que a população há muito clama por água potável.

Assuntos Província » Bengo  

Leia também
  • 29/08/2019 12:46:49

    Número de mortes por acidente diminui no Bengo

    Caxito - Vinte e oito mortos e 233 feridos graves é o saldo de 207 acidentes de viação registados no primeiro semestre deste ano (menos oito mortos em relação a igual período anterior), pela direcção de viação e trânsito nas estradas da província do Bengo, o que representa uma diminuição de 22 ocorrências.

  • 16/08/2019 16:24:17

    Procura por formação aumenta no Ambriz e Dande

    Caxito - A procura nos Centros e Pavilhões de Formação Profissionais nos municípios do Ambriz e Dande registou um aumento, comparativamente aos anos anteriores, revelou o chefe dos Serviços Provinciais do Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional (INEFOP), Manuel Paulo António.

  • 15/08/2019 15:28:25

    Ex-militares ganham kits para fomento do auto-emprego

    Caxito - Quarenta e cinco ex-militares da província do Bengo ganharam, na quarta-feira, kits de trabalho para promover o fomento do auto-emprego.