Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

03 Setembro de 2019 | 22h05 - Actualizado em 04 Setembro de 2019 | 13h23

Operação "Oneleo" combate fuga ao fisco na fronteira sul

Ondjiva - Treze toneladas e 610 quilos de mercadoria diversa foram apreendidos por fuga ao fisco, durante uma operação conjunta, denominada "Oneleo", que decorreu de 31 de Agosto a 02 de Setembro, entre a Polícia Nacional e a congénere namibiana, ao longo do perímetro fronteiriço.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Cunene: Fronteira Angola/Namibia

Foto: JOSÉ CACHIVA

Da mercadoria apreendida, entre os marcos 16 e 22 da fronteira comum (Angola/Namíbia), constam sacos de arroz, frango, óleo alimentar, massa, açúcar, bebidas de vários tipos, balões de roupa usada, sapatos e telemóveis.

Ao fazer o balanço da operação, o comandante da Unidade da Polícia Fiscal no Cunene, superintendente-chefe Lourenço René Sacambela, disse, nesta terça-feira, que foram apreendidos, igualmente, dois milhões, 491 mil e 500 kwanzas, bem como dois mil e 567 litros de combustível e duas viaturas.

A Polícia deteve também sete cidadãos nacionais por tráfico e consumo de estupefacientes, bem como uma namibiana por desobediência às autoridades.

A operação conjunta, segundo explicou o comandante, surge no âmbito do combate ao contrabando de mercadorias e à violação da fronteira comum, uma vez que, de modo geral, os autores exercem actividade no período nocturno e contam com a ajuda de pessoas residentes ao longo do perímetro fronteiriço.

Os trabalhos de patrulhamento, ao longo da fronteira da província do Cunene com a vizinha República da Namíbia, vão continuar, com o envolvimento de todas as forças, bem como a realização de acções de sensibilização junto da população para desencorajar tais práticas.   

O superintendente-chefe Lourenço René Sacambela referiu ainda que as pessoas que viram a sua mercadoria apreendida, podem reavê-la depois que cumprirem os trâmites legais alfandegários.

A província do Cunene partilha 460 quilómetros de fronteira com a República da Namíbia, dos quais 340 terrestre e 120 fluviais.

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 02/09/2019 17:40:12

    Disponivéis 12 milhões de Euros para projectos sociais

    Ondjiva- Doze milhões de Euros estão disponível para implementação de projectos sociais nas províncias do Cunene, Huíla e do Nimibe, no quadro da execução do Programa de Fortalecimento de Resiliência, Segurança Alimentar e Nutricional em Angola (FREZAN).

  • 31/08/2019 15:44:16

    Famílias afectadas pela seca beneficiam de bens alimentares

    Ondjiva - Sete toneladas e meia de bens alimentares diversos foram entregues hoje, sábado, ao governo provincial do Cunene, pela Aliança Evangélica de Angola (AEA), para apoiar as famílias afectadas pela seca nessa região.

  • 30/08/2019 15:27:20

    Governo do Cunene recebe bens alimentares

    Ondjiva - Cinco toneladas de fuba de milho foram entregues hoje, sexta-feira, em Ondjiva, ao governo da província do Cunene pela empresa BH Construções, para minorar a fome que afecta as vítimas da seca.