Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

29 Junho de 2020 | 10h18 - Actualizado em 29 Junho de 2020 | 10h00

Número de clientes da ENDE quadruplica no Longonjo

Longonjo - O número de clientes controlados pela Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE) no município do Longonjo, província do Huambo, quadruplicou de 350, em 2018, para mil e 270 cadastrados, este ano.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ao confirmar o facto, o responsável da equipa de cobrança na municipalidade, Jorge Chimuco Viana, disse à ANGOP que o aumento exponencial do total de consumidores de energia eléctrica deveu-se a entrada em funcionamento, em 2019, de uma central híbrida, com cinco megas watts.

Informou que, desta cifra, 396 estão no regime de pagamento do sistema pré-pago e os outros 874 no pós-pago, com um consumo de energia eléctrica de 24 horas ao dia, produzida a partir da central híbrida, que funciona de forma combinada, através de fontes de grupos geradores e um dispositivo de placas solares.

Entretanto, Jorge Chimuco Viana mostrou-se satisfeito com número de clientes cadastrados, mas afirmou que o processo contínua, antevendo-se um aumento progressivo, de modo a que maior parte da população tenha acesso ao produto.  

Na central híbrida estão instalados quatro grupos geradores, mesmo número de postos de transformação, painéis solares, tanques de combustíveis e água para garantir o fornecimento de energia eléctrica, no município do Longonjo.

A vila municipal do Longonjo foi fundado a 28 de Maio de 1918 e possui uma extensão territorial de 2.915 quilómetros quadrados.

Estima-se que a população do Longonjo, cuja vila municipal situa-se a 64 quilómetros a Oeste da cidade do Huambo, seja de 110 mil pessoas, distribuídas pelas comunas Catabola, Chilata, Lépi e Sede municipal, que fazem da agricultura familiar e da pecuária a principal fonte de renda.

Segundo a História, o nome Longonjo (palavra de origem Umbundu) constitui o plural da expressão “ongondjo”, casca de tronco, em português. Antigamente, o material servia para transportar mercadorias, com realce para brita e outros objectos, usados para a construção dos Caminhos-de-Ferro de Benguela e da estrada.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 26/06/2020 15:27:45

    Ressaltada importância das políticas de inclusão da mulher na economia

    Bailundo - A política de inclusão da mulher na economia apresenta-se como uma estratégia viável para dinamização do progresso e desenvolvimento sócio-económico desejado para as comunidades.

  • 26/06/2020 13:43:45

    Covid-19: ONG oferece material de biossegurança

    Huambo - A Organização Não-governamental People in Need (PIN) ofereceu hoje, sexta-feira, no Huambo, material diverso de biossegurança ao Centro Materno Infantil da Mineira, para proteger os técnicos locais de possíveis contágios de gripe por coronavírus (covid-19).

  • 26/06/2020 12:59:27

    Menor abusada sexualmente pelo cunhado de 45 anos

    Huambo - Uma menor de 12 anos internou, esta semana, numa das unidades sanitárias da província do Huambo, com ferimentos nos órgãos genitais, depois de ser abusada sexualmente pelo cunhado, de 45 anos, soube hoje, sexta-feira, a ANGOP de fonte institucional.