Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

14 Agosto de 2020 | 15h06 - Actualizado em 14 Agosto de 2020 | 15h06

Covid-19: PN detém 60 cidadãos por desobediência

Lubango - A Polícia Nacional (PN) deteve, na quinta-feira, no Lubango, 60 cidadãos nacionais por violarem as medidas de biossegurança e distanciamento social.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Segundo o comandante municipal da corporação em exercício, superintendente-chefe António Leal Marques, a detenção dos desobedientes ocorreu na via pública, por não se fazerem acompanhar da máscara facial, bem como ao uso incorrecto.

Os desobedientes, afirmou, foram catalogados e notificados a pagar uma multa entre cinco mil a dez mil kwanzas.

A província da Huíla registou, na quarta-feira, o primeiro caso positivo da Covid-19, envolvendo uma cidadã de 35 anos assintomática.

Assuntos Província » Huíla  

Leia também
  • 14/08/2020 14:35:24

    Covid-19: Igreja Católica cancela procissões na Senhora de Monte

    Lubango - As procissões de velas previstas para esta sexta-feira e sábado, em reverência à Nossa Senhora do Monte, padroeira da cidade do Lubango, foram canceladas por conta da Covid-19.

  • 14/08/2020 10:35:46

    Agência de viagem lança primeiro comboio turístico

    Lubango - Um comboio turístico do Caminho de Ferro de Moçâmedes vai ser lançado no próximo sábado, 22 de Agosto, na cidade do Lubango, para o itenerário Huíla-Namibe, uma iniciativa da Agência de Viagem e Turismo "Versatour", a fim de impulsionar o turismo na região.

  • 13/08/2020 19:14:55

    Devedor enforca-se para evitar pagamento na Huíla

    Quilengues - Um cidadão de 20 anos de idade enforcou-se, esta quarta-feira, no município de Quilengues, província da Huíla, por alegadamente não ter como pagar uma dívida de cem mil kwanzas.