Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

21 Setembro de 2020 | 12h18 - Actualizado em 21 Setembro de 2020 | 12h18

Hospital do Ambaca ganha equipamento de bioquímica

Camabatela- O Hospital Municipal de Ambaca, província do Cuanza Norte, conta desde hoje, segunda-feira, com o seu primeiro aparelho de bioquímica para controlo de níveis de açúcar no sangue de doentes diabéticos, doenças hepáticas e outras relacionadas com creatinina.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Esse facto foi divulgado à Angop pelo director-geral da instituição, Lúcio Mucage, tendo referido que, com a entrada em funcionamento desse equipamento laboratorial os pacientes deixam de se deslocar às províncias do Uíge e de Malanje em busca destes serviços de saúde.

Salientou que este equipamento vai permitir melhorar a assistência médica à população, bem como aproximar os serviços sanitários às comunidades.

Fez saber que o aparelho consta de um leque de equipamentos hospitalares adquiridos recentemente pela Administração Municipal de Ambaca, no âmbito do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Informou que o valor total do investimento foi de 98 milhões, 76 mil e 599 kwanzas.

Inaugurado em 2012, no quadro do Programa de Investimentos Públicos (PIP), o Hospital Municipal de Ambaca tem capacidade para 100 camas e presta assistência médica e medicamentosa à população residente nos municípios vizinhos, como Samba Cajú, Quiculungo e Banga, assim como de aldeias das províncias de Malanje e do Uíge.

O hospital dispõe de serviços de consultas externas, banco de urgência, farmácia, laboratório, internamento, maternidade e cirurgia.

O funcionamento da unidade de saúde é assegurado por 72 trabalhadores, dos quais nove médicos e 25 enfermeiros.

A malária é a doença com mais frequência na região, sobretudo em crianças.

Situado a 180 quilómetros a norte de Ndalatando, capital do Cuanza Norte, o município de Ambaca tem uma população estimada em 61 mil 769 habitantes.

Leia também
  • 21/09/2020 11:45:34

    Cuimba aplica 165 milhões Kz para saneamento básico

    Mbanza Kongo - Cento e 65 milhões de kwanzas foi o valor aplicado pela Administração Municipal do Cuimba, província do Zaire, na aquisição de equipamentos para trabalhos de saneamento básico da vila, no âmbito do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

  • 21/09/2020 11:31:08

    Jacaré capturado próximo de zona de trabalho

    Ndalatando - Um jacaré de aproximadamente um metro e meio de cumprimento foi capturado com vida, no domingo, junto a uma zona de trabalho de jovens, em Ndalatando, Cuanza Norte, por elementos do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros (SPCB).

  • 21/09/2020 11:04:06

    Polícia detém manifestantes em Calandula

    Malanje - Dez jovens estão detidos há três dias por se manifestarem de forma ilegal contra eventual má governação no município de Calandula, província de Malanje.