Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

26 Setembro de 2020 | 17h17 - Actualizado em 26 Setembro de 2020 | 17h16

Psicólogos prestam apoio terapêutico gratuito às famílias

Ndalatando - O núcleo da Ordem dos Psicólogos do Cuanza Norte anunciou, este sábado, apoio terapêutico gratuito às famílias, como medida de contenção da tendência de aumento de casos de transtornos mentais graves que afectam muitos cidadãos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Segundo o coordenador do núcleo, Abreu Miguel, a agremiação agendou encontros com a classe para a identificação dos principais problemas sociais que enfermam as famílias.

O objectivo, segundo a fonte, é garantir apoio terapêutico gratuito aos cidadãos carentes de assistência psicológica, entre outras ajudas.

A realização de workshops, visando despertar a sociedade sobre o papel do psicólogo, sobretudo no apoio às pessoas afectadas por distúrbios decorrentes de problemas provocados pelo actual contexto difícil da economia nacional consta também das prioridades da representação da ordem dos psicólogos no Cuanza Norte.

O responsável manifestou-se preocupado com o crescimento do número de dementes que deambulam pelas ruas da cidade de Ndalatando (capital da província), na sua maioria jovens, que atingiram o nível de loucura devido a falta de assistência psicológica na fase inicial dos distúrbios mentais.

A província do Cuanza Norte controla 32 profissionais inscritos na Ordem dos Psicólogos de Angola, que actuam maioritariamente nas áreas de saúde e educação, constatando-se uma grande carência de psicólogos forenses para apoio ao reenquadramento social de indivíduos em conflito com a lei e a cumprir penas na unidade prisional local.

  

Leia também
  • 26/09/2020 15:15:53

    Zaire: Baleia de seis metros encontrada morta no Nzeto

    Mbanza Kongo - Uma baleia com seis metros de comprimento foi encontrada morta sexta-feira, na baía da comuna da Musserra, município do Nzeto, na província do Zaire.

  • 25/09/2020 17:49:28

    Angola possui mais de 600 mil pessoas com deficiência

    Luanda - Angola possui mais 656 mil 258 pessoas com deficiência, sendo que a maior parte está situada nas zonas rurais, informou hoje, sexta-feira, em Luanda, a ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Faustina Alves.

  • 25/09/2020 17:20:51

    Covid-19: Operadores turísticos doam bens alimentares

    Malanje - Operadores turísticos doaram hoje, sexta-feira, aos lares de idosos dos bairros da Cahala e da Vila Matilde, em Malanje, várias quantidades de bens alimentares e de higiene, no âmbito do 27 de Setembro, Dia Mundial do Turismo.