Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Turismo

26 Setembro de 2017 | 03h16 - Actualizado em 26 Setembro de 2017 | 03h11

Namibe: Sector turístico é prioridade do governo local

Moçâmedes - A directora provincial do comércio, hotelaria e turismo do Namibe, Amélia Camunheira, defendeu, esta segunda-feira, a necessidade de se tirar maior proveito das grandes potencialidades turísticas que a província oferece.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Aquelaresponsável, falava à Angop, nesta cidade à margem da cerimónia que marcou a abertura das actividades em prol do dia mundial do turismo a assinalar-se a 27 deste mês.

De acordo com Amélia Camunheira, a nível nacional, Namibe é uma das primeiras províncias que está dentro das prioridades do executivo, no que toca a matérias turísticas, e acredita que estará no foco das atenções centrais, a julgar pelas promessas do presidente eleito, João Lourenço, feitas durante a sua campanha eleitoral.

Diz ser necessário que a actividade turística na província esteja devidamente orientada e regulamentada, com vista a arrecadar receitas.

Aconselhou os operadores a promoverem acções susceptíveis de atrair os investidores estrangeiros a canalizaremj as suas acções empresariais na província.

 “Para haver atracção dos investidores é necessário a grande intervenção do Instituto Nacional de FomentoTuristico, para criar o elo de ligação entre o executivo e os operadores turísticosestrangeiros”, disse.

Apesar de se notar alguns receios, reconheceu que a maior parte dos operadores locais têm uma certa limitação, devido a pouca atenção por parte dos bancos para financiar o sector do turismo.

“O executivo deve trabalhar com os bancos, no sentido de apoiar os operadores. E cabe à Direcção provincial de Comercio, Hotelaria e Turismo regulamentar o exercício da actividade do turismo a nível da província”, sublinhou.

Salientou ainda que a falta de agências de viagem tem dificultado a presença de guias turísticos com uma formação aceitável, a nível da província.

Segundo a responsável, um bom guia bem treinado e com domínio de línguas estrangeiras, facilita os contactos, marketing e divulgação dos pontos turísticos que a província tem por oferecer. 

O lançamento do Dia Mundial do Turismo, aberto pelo Governador em exercício, Alcides Gomes Cabral, foi dominada com uma palestra sob o lema, “Turismo sustentavel como instrumento para o desenvolvimento”.

A nível da província do Namibe, existem mais de 190 unidades hoteleiras, entre hotéis, bares, pensões e similares para além de centros turísticos, com principal realce para a planta Welvitcha,Centro Turístico da Muntipa, a lagoa do Arco, Praias Azul,Escadinhas, Miragem e dos Flamingos.
 

Assuntos Província » Namibe  

Leia também